Indústria 4.0 by TOTVS

8 vantagens do Machine Learning na indústria

O Machine Learning na indústria vem causando uma grande transformação no modelo de operação de fábricas brasileiras. Essa tendência comprova que a Inteligência Artificial não está mais presente apenas nos filmes de ficção científica e pode contribuir para o aumento da produtividade nas indústrias.

O conceito de Machine Learning está ligado às máquinas que possuem capacidade de aprendizagem própria. Isso permite que previsões sejam feitas com base em grandes quantidades de dados – através de um ramo da Inteligência Artificial construído sobre o reconhecimento de padrões e com a capacidade de extrair conhecimento independentemente da experiência.

O que é Machine Learning?

Talvez você nunca tenha reparado, mas o Machine Learning está presente em diversos momentos de nossas vidas: a loja virtual que sugere produtos com base nos produtos que você visualizou, as redes sociais que indicam amigos que talvez você conheça e os carros autônomos que estão sendo testados pelo Google e devem se tornar comuns em um futuro próximo.

“Machine Learning se trata da área da Computação, mais especificamente, Inteligência Artificial, em que se tem ênfase na aprendizagem de um sistema a partir de técnicas específicas. O propósito desta aprendizagem serve para que o sistema tenha conhecimento suficiente para tomadas de decisões automatas.”, diz Eduardo Kroth, professor da Universidade de Santa Cruz do Sul – UNISC.

Em vez de ficar limitado à execução de uma determinada tarefa, o Machine Learning cria um conjunto de regras e procedimentos que permite que os computadores possam agir e tomar decisões baseados em dados. Além disso, esses softwares são projetados para evoluir de acordo com os dados assimilados – criando um modelo de evolução constante.

Como é aplicado o Machine Learning na indústria?

“Considerando que uma indústria convencional está organizada com base em processos, atividades, fluxos alternativos e exceções, penso que a transferência deste conhecimento possa levar muitas decisões e ações para as máquinas, em tempo real.”, analisa Kroth.

Além de outras aplicações para essa tecnologia bastante ligada ao conceito de Indústria 4.0, já temos vários casos de Machine Learning na indústria. Muitos dos problemas complexos enfrentados pelas indústrias podem ser resolvidos com o uso dessa tecnologia. Além disso, a automação de processos resulta em um salto na produtividade.

Desde o esforço de manter as cadeias de suprimento operando de maneira eficiente até a produção pontual de produtos personalizados sob medida, os algoritmos de aprendizado de máquina têm o potencial de trazer maior precisão preditiva a cada fase da produção. Muitos dos algoritmos que estão sendo desenvolvidos são iterativos, projetados para aprender continuamente e buscar resultados otimizados.

Confira 8 benefícios do Machine Learning na indústria:

  1. Fábricas inteligentes terão um processo de produção automatizado e monitorado de perto;
  2. Redes digitalizadas avançadas serão instaladas para coleta e transferência de dados;
  3. Os dados mecânicos são compostos por energia, velocidade, potência, peso, pressão, etc;
  4. A produção inteligente é caracterizada por ações preventivas e produção adaptativa;
  5. Máquinas, seres humanos, sistemas de software e produtos podem interagir pela Internet;
  6. Inspeções, supervisão, modificações e comunicação podem ser automatizadas;
  7. O processo de fabricação com valor agregado é heterogêneo, descentralizado e flexível,
  8. Novos dispositivos serão incorporados para ampliar o sistema e obter automação completa.

“Considerando que máquinas tenham processamento individual e conversem entre si (Internet das Coisas), muitas decisões podem ser realizadas sem a intervenção humana, agilizando as rotinas de uma indústria, reduzindo custos e aumentando a produtividade.”, finaliza Kroth.

Você já conhecia o impacto do Machine Learning na indústria? Como enxerga essa tendência? Deixe o seu comentário.

Totvs_voz da industria 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *