Indústria 4.0 by TOTVS

Automação do chão de fábrica: um salto para a Indústria 4.0

A automação do chão de fábrica apresenta vários benefícios para a empresa, e já tem sido adotada por indústrias que buscam a implantação de tecnologias para tornar mais ágeis os seus processos e coletar dados úteis para análise de forma prática e eficiente. Mais do que isso, a automação do chão de fábrica é uma evolução necessária para o desenvolvimento da indústria e imprescindível para a sua transição para a Indústria 4.0.

O professor Regis Pasini, da Faculdade de Engenharia da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), comenta. “Quando associamos a automação industrial à digitalização, então atingimos um novo patamar. Cada vez mais poderemos ter plantas fabris espalhadas ao redor do mundo com a garantia de fabricação de produtos com qualidade.”

Veja como a automação do chão de fábrica beneficia a indústria e de que forma o sistema MES ajuda nesse processo.

As vantagens e aplicações da automação do chão de fábrica na Indústria 4.0

A automação do chão de fábrica oferece vantagens para a indústria, como o aumento da produtividade, redução de custos e aumento da qualidade dos produtos fabricados. Ela também diminui os controles manuais e reduz o reprocesso, evitando falhas e aumentando a eficiência da linha de produção.

A utilização de sistemas automatizados em conjunto com a digitalização apresentada pela Indústria 4.0 permite o monitoramento e a obtenção de dados dos processos industriais em tempo real, de forma que o gestor pode controlar as performances da produção e reagir conforme a necessidade e com rapidez. As informações que as máquinas fornecem automaticamente são muito confiáveis, embasando decisões acertadas e contribuindo para o crescimento da empresa.

A tecnologia necessária para a automação já existe para os mais diversos setores de indústrias de todos os portes, sendo que os softwares para gestão também estão cada vez mais acessíveis. Desta forma, a utilização destas ferramentas está disponível para todas as empresas, sendo adaptável às mais diversas conjunturas: a flexibilidade de sua aplicação faz com que seja capaz de ajudar a aumentar a eficiência de todos os tipos de negócios.

“Se pensarmos especificamente na manufatura aditiva, uma peça poderá ser fabricada em qualquer lugar, desde que se tenha uma impressora 3D com especificações para tal. O fator humano na produção desta peça, propriamente dita, será muito reduzido. É possível até pensar em plantas fabris menores, que atenderão mercados locais, minimizando custos de logística, por exemplo”, comenta o professor Pasini.

Como o MES pode ajudar quando falamos de Indústria 4.0?

O sistema MES é responsável por gerenciar os processos produtivos do chão de fábrica. Em outras palavras, ele ajuda os gestores a coordenarem as diversas fases da produção, auxiliando na avaliação da execução dos planejamentos enquanto levanta dados relevantes sobre esses processos, que podem, então, ser analisados pelos gestores e fundamentar novas decisões para planejamentos futuros.

Desta forma, são ferramentas capazes de promover a otimização da indústria em todos seus setores, desde a manufatura até as áreas de logística, distribuição e vendas. Além disso, são facilmente integráveis a outras tecnologias de automação, como os ERPs, o que ajuda na análise integrada de todos os aspectos de planejamento e gestão da empresa.

Como a sua empresa está se adaptando à automação do chão de fábrica na Indústria 4.0? Deixe o seu comentário e até a próxima!

Totvs_voz da industria

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *