A Expomafe, Gestão

Como examinar o grau de maturidade digital da sua indústria?

Como já falamos diversas vezes por aqui, a Manufatura Avançada, também conhecida como Indústria 4.0, é um caminho a ser seguido por todos os gestores a partir de agora. Atualmente, muitas empresas brasileiras estão em diferentes estágios de adaptação para atenderem às necessidades desse novo conceito e se manterem competitivas no mercado. E um dos primeiros passos nesse sentido é averiguar qual o grau de maturidade digital da indústria em questão, isto é, qual o seu nível de digitalização, para, então, partir para a elaboração de um plano de ação rumo ao modelo de gestão 4.0.

Manufatura Avançada demanda maior maturidade digital

De forma prática, a Manufatura Avançada se refere à quarta revolução industrial, que está apenas começando e cuja a causa está diretamente ligada aos grandes avanços na área de tecnologia da informação, comunicação e automação. Com a convergência dessas tecnologias, percebe-se uma grande transformação na organização dos processos produtivos e na gestão das empresas.

“A Indústria 4.0 atua no âmbito da estratégia de alta tecnologia para promoção da informatização da Manufatura. O objetivo é chegar às chamadas fábricas inteligentes (Smart Manufacturing), que se caracterizam pela capacidade de adaptação, pela eficiência dos recursos e ergonomia, bem como a integração de clientes e parceiros de negócios em processos de negócios e de valor. Sua base tecnológica é composta por sistemas físicos cibernéticos e da Internet das Coisas. Especialistas acreditam que a Indústria 4.0 poderia ser mais plenamente realizada dentro de uma década”, explica Paulo Roberto dos Santos, consultor em Manufatura Avançada da Zorfatec.

Dessa forma, se essa previsão se concretizar, as indústrias que não estiverem digitalmente maduras devem ficar para trás e apresentar perda substancial de sua competitividade.

Como medir o grau de maturidade digital da indústria?

“Considerando os aspectos mais relevantes e as tecnologias habilitadoras da Indústria 4.0, sugerimos que a empresa faça uma reflexão sobre o estágio em que se encontra. Lembrando de que não há certo ou errado, nem bom ou ruim – nesse momento, se estará apenas tirando um retrato da situação. Em nossa abordagem, propomos que a empresa avalie a adoção de estratégias de negócios, aplicação, infraestrutura, serviços, inovação e cultura de inovação para a Indústria 4.0. A partir disso, são pontuados cada um dos eixos e combinados em um gráfico, apresentando claramente as áreas em que a indústria está mais bem preparada e outras em que necessita colocar energia e foco para alcançar sua maturidade digital”, resume dos Santos.

Confira, abaixo, uma rápida descrição dos eixos avaliados no estudo da maturidade digital da indústria, indicado pelo consultor:

  • Negócios/Estratégia e organização: até que ponto a digitalização está estabelecida e implementada na estratégia da sua empresa?
  • Aplicação/Fábrica inteligente: em que medida sua indústria possui uma produção digital integrada e automatizada baseada em sistemas cyber-físicos?
  • Infraestrutura/Operações inteligentes: em que medida os processos e produtos da sua indústria são modelados digitalmente e podem ser controlados por meio de sistemas e algoritmos de TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) em um ambiente virtual?
  • Serviços Datadriven/Produtos inteligentes: em que medida sua indústria oferece serviços orientados por dados que são possíveis somente através da integração de produtos, produção e clientes? Em que medida seus produtos podem ser controlados com TI, possibilitando que se comuniquem e interajam com sistemas de nível superior ao longo da cadeia de valor?
  • Inovação: em sua indústria, a inovação é tratada como estratégica? Qual é a importância da inovação na geração de resultados para o negócio? Como sua empresa estrutura o processo de inovação?
  • Cultura de Inovação para a Indústria 4.0: a sua empresa possui as habilidades necessárias para implementar os conceitos da Indústria 4.0? A cultura da empresa incentiva a inovação, a geração de ideias e o fluxo de informação é livre?

A aplicação dessa ferramenta de mensuração da maturidade digital da indústria está associada a um processo de esclarecimento sobre o que é Indústria 4.0, as tecnologias habilitadoras, inovação e cultura para inovação, de maneira que, após o entendimento dos temas, a indústria possa avaliar, por um conjunto de perguntas, qual é o estágio em que se encontra. A partir do resultado, se torna possível discutir uma estratégia de transformação digital visando à preparação para a imersão e aplicação total desse conceito.

Quer saber mais sobre maturidade digital da indústria no contexto da Manufatura Avançada? Continue acompanhando o nosso canal de conteúdo e aproveite para compartilhar suas experiências no campo de comentários abaixo. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *