• A Voz da Indústria is part of the Informa Markets Division of Informa PLC

    This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Gestão

Como garantir a segurança no chão de fábrica da indústria metalmecânica

Quando o assunto é segurança no chão de fábrica não há espaço para erros. É preciso tomar os cuidados necessários para garantir a saúde e o bem-estar de todos os funcionários para que possam executar suas funções sem correr riscos e da melhor forma possível.

Vale ressaltar, também, que adotar medidas preventivas possibilita a realização de um trabalho mais organizado e o aumento da produção da indústria, já que o ambiente de trabalho tende a se tornar mais agradável e seguro para todos.

Confira, a seguir, os benefícios e algumas dicas especiais  de segurança no chão de fábrica que você pode – e deve – adotar em sua indústria metalmecânica.

Benefícios de investir em segurança no chão de fábrica

Redução de acidentes

O principal objetivo da segurança do trabalho é garantir a prevenção dos acidentes laborais que prejudicam a integridade física e mental do trabalhador. De acordo com Lucian Amaral, proprietário da Monc Automação Industrial, os EPIs (Equipamento de Proteção Individual) considerados fundamentais para um ambiente seguro são: capacete, protetor auricular, calça, botina, luva e óculos.

Organização

Investir na segurança  do chão de fábrica permite, ainda, que a empresa organize e padronize seus procedimentos internos.

Menos gastos

O trabalho preventivo também gera menos custos com afastamentos de funcionários causados por doenças ocupacionais, contratação de mão de obra temporária ou permanente para ocupar o lugar deixado pelo trabalhador acidentado, reabilitação do trabalhador, indenizações e ações trabalhistas, além de inibir os riscos e manter a atenção do funcionário na execução da tarefa, evitando, assim, prejuízos materiais e acidentes de trabalho.

Qualidade

Funcionários que realizam um trabalho em condições seguras tendem a produzir com qualidade e a executar suas tarefas com mais motivação. Isso acaba refletindo na qualidade produtiva da indústria, que terá menores taxas de retrabalho.

Credibilidade

A redução de acidentes e ocorrências que envolvam a imagem da empresa dá mais credibilidade corporativa à instituição. “Mas se o ambiente não estiver adequado,  é preciso contatar o Técnico em Segurança do Trabalho responsável pelo ambiente para atuar de modo preventivo”, destaca Amaral.

Além disso, para atuar de fato com segurança no chão de fábrica “é necessário que todas as documentações da empresa estejam em dia, além dos cursos de segurança, como o NR-10, no caso de elétrica, e outros para altura e demais trabalhos”, conclui o especialista.

Programas de prevenção para promover a segurança no chão de fábrica

PCMAT (Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção): é obrigatório em construções com 20 ou mais funcionários.

PCMSO (Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional): dita os exames a serem realizados pelos funcionários.

CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes): composto por um grupo de trabalhadores que atua na prevenção de acidentes de trabalho, visando eliminar ou neutralizar eventuais riscos existentes no ambiente laboral. Metade deles é eleita pelos funcionários e a outra indicada pelo empregador.

Treinamento de Integração: é ministrado ao recém-contratado a fim de familiarizá-lo com os cuidados referentes à segurança no chão de fábrica.

Quer saber mais sobre a segurança do trabalho no chão de fábrica? Continue acompanhando o nosso canal de conteúdo e até a próxima!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *