A Voz da Indústria faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Termografia industrial - Conheça as vantagens e aplicações

Termografia industrial: o que é e como pode ajudar a evitar acidentes

Saiba mais sobre como usar a termografia industrial para garantir uma operação mais segura.

A medição de temperatura é um indicador indispensável para a indústria. Importante não apenas para a integridade da vida humana, essa ciência também gera alertas sobre as condições de funcionamento de máquinas e equipamentos. Nesse contexto, surgiu a termografia industrial. A denominação tem origem no grego, sendo a junção de therme, que significa calor, e grafia, que significa escrita.

Em linhas gerais, trata-se de uma ferramenta de manutenção preditiva que busca mapear uma região com o objetivo de detectar áreas de diferentes temperaturas.

“Como em muitos casos o calor está associado a anomalias nos equipamentos, a termografia industrial permite, de forma otimizada e sem contato, inspecionar um grande número de equipamentos em pouco tempo”, explica o engenheiro de controle e automação da Le Defi Automação, Bruno Bueckmann Diegoli.

Assim como outras técnicas de manutenção preditiva, a termografia industrial permite estender a vida útil de equipamentos. A técnica também ajuda a evitar substituições prematuras de componentes.

Importância da termografia industrial

A termografia industrial pode auxiliar detectando anomalias em equipamentos antes que eles provoquem um incidente. Para ficar mais claro, Diegoli apresenta exemplos práticos e que estão na rotina da indústria.

“Por exemplo, a termografia nos permite detectar um componente elétrico em curto ou sobreaquecimento, que pode vir a incendiar ou até mesmo explodir, além de um eixo de motor desalinhado com risco de quebrar”, explana o especialista.

Outro ponto que torna fundamental a sua presença na indústria é a capacidade de evitar acidentes, apenas realizando a inspeção termográfica, a qual pode, inclusive, ser desenvolvida sem contato direto com o equipamento.

Termografia industrial e a sua aplicabilidade

Nas áreas siderúrgica e metalúrgica, a termografia industrial é empregada no processo produtivo de uma forma bastante orgânica. No entanto, não é esse o setor de maior aplicação, mas, sim, nas áreas de manutenção mecânica e elétrica, em que a termografia fica mais focada nos equipamentos do que no processo produtivo.

No que tange à sua utilização, é preciso destacar que a câmera termográfica exige certo treinamento, tê-la sem ter feito algum tipo de capacitação pode gerar alguns problemas no momento da coleta de imagens e para que se saiba se as informações são verdadeiras ou não.

Termografia como recurso para elevar a segurança

Acidentes de trabalho ou com equipamentos são ocorrências que podem ser frequentes e extremamente danosas em empresas que trabalham com ferramentas de calor, porém sem o devido acompanhamento.

Nesses casos, é preciso adotar um plano preventivo bastante consistente. E a termografia industrial é um ponto crucial para isso. Por meio da inspeção termográfica, consegue-se antever problemas potenciais antes que eles possam causar falhas ou acidentes. 

Por exemplo, é possível identificar que determinado equipamento está trabalhando a uma temperatura excessiva. Nesse momento, emite-se um alerta para que uma averiguação detalhada do problema seja feita e uma solução preventiva seja providenciada. Com isso, reduz-se possibilidades de incêndios, acidentes de trabalho, queda de produtividade por equipamento, avarias ou mesmo perda de maquinário, entre outros problemas. 

Principais vantagens da termografia industrial

Dependendo da indústria, o custo investido em termografia chega a ser irrisório se comparado ao potencial de impacto de uma parada de linha.

“A experiência mostra que uma indústria que realiza inspeções semestrais, encontra anomalias (algumas críticas), em praticamente todas as ocasiões, por mais nova que seja a indústria”, comenta o engenheiro de controle e automação da Le Defi Automação.

Vale lembrar de que, dependendo do porte da empresa, ela pode optar por comprar uma câmera infravermelha e treinar sua equipe, ou, então, contratar o serviço de inspeção termográfica com emissão de laudo.

E então, você já conhecia a termografia industrial? Para conhecer outras formas de promover e aumentar a segurança na sua indústria, baixe gratuitamente o e-book EPIs no chão de fábrica: segurança em todas as frentes

TAG: Inovação
Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar