Indústria 4.0 by TOTVS

Indústria 4.0 promove a integração da cadeia de distribuição

A Indústria 4.0 surgiu para revolucionar os processos de produção e gestão tradicionais, apresentando novas ferramentas e estratégias para potencializar a produtividade fabril. Hoje em dia, as empresas começam a passar por um processo de estudo e transição da sua forma de realizar as operações para um futuro mais eficiente e tecnológico.

Por isso, a indústria tem buscado analisar sua forma de funcionamento e lançar um novo olhar sobre todas as etapas das suas cadeias de produção – que devem ser reformuladas para utilizar todo o potencial da Indústria 4.0.

Confira, a seguir, como a Indústria 4.0 promove a integração da cadeia de distribuição e o que isso significa para a indústria.

A integração da cadeia de distribuição inteligente

As cadeias inteligentes são capazes de fornecer maior base de dados a respeito de necessidades, fornecedores e clientes – o que ajuda no planejamento dos processos da empresa. Assim, é possível aumentar a produtividade e reduzir perdas, guiando a produção e distribuição de acordo com a necessidade.

Na prática, isso se traduz em redução de custos e aumento de lucratividade para a empresa. No entanto, para que estes resultados sejam atingidos, é necessário buscar inovações e treinamento: a chave para criar cadeias integradas e inteligentes é a IoT (Internet of Things) e a Big Data.

Adotando a inovação na Indústria 4.0

Atingir o grau de integração de toda a empresa não é uma tarefa simples – é necessário estudo e investimento. Para que este processo ocorra, é essencial não apenas abrir as portas da indústria para as novas tecnologias dotadas de sensores e acesso às redes integradas. Mas também criar uma cultura interna que abraça a inovação e buscar funcionários que estão dispostos a utilizar estes novos conceitos para alavancar o crescimento da empresa.

A integração do trabalho: colaboração e inteligência

O processo de integração da empresa facilita a comunicação entre todos os setores, permitindo a colaboração em todas as etapas do processo de produção. Para que isto aconteça, a indústria deverá construir pouco a pouco um ambiente que permita este crescimento.

Entenda isso como: busca de alternativas para aquisição e armazenamento de dados inteligente, soluções para logística independente, softwares que auxiliem na análise avançada das informações, e treinamento para utilizar todas estas inovações. Isso de forma a diminuir o tempo de resposta e transformar o funcionamento da empresa para guiá-la de acordo com as necessidades.

Maior foco no cliente

O gerenciamento das cadeias de distribuição não apenas é capaz de reduzir custos, mas também de revolucionar o relacionamento das empresas com os clientes. Com uma previsão mais precisa da demanda é possível utilizar a integração de todos os processos da empresa para garantir a satisfação e retenção do cliente, aumentando o seu controle sobre o produto final.

O professor Ricardo Alexandre Diogo, coordenador da Engenharia Mecatrônica e Engenharia de Controle e Automação, da Escola Politécnica da PUCPR, fala sobre os benefícios da integração da distribuição. “A rastreabilidade dos produtos de consumo também deve estar disponível aos consumidores. Isso dá garantias de originalidade dos produtos, dados mais completos sobre quando foram produzidos e outros.”

Desta forma, a integração do sistema de produção e distribuição, utilizando a conectividade como maior facilitador para realização do controle e monitoramento de cada etapa do processo, pode, também, ser utilizado para estreitar os laços de relação com o cliente e permitir que ele possua maior visibilidade do seu produto.

“Se produtos duráveis, e comprados sob demanda, a informação em tempo real pode dar ao cliente a informação exata do estágio de produção e previsão de entrega mais precisa”, conclui o professor Diogo.

Como você enxerga a integração da cadeia de distribuição na Indústria 4.0? A sua empresa já está se adaptando a essa nova tendência? Conte pelos comentários e até a próxima!

Totvs_voz da industria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *