A Voz da Indústria faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

3 motivos para digitalizar a indústria ainda em 2020

digitalização na indústria
Saiba quais são as 3 principais afirmações que vão incentivar todo gestor industrial a digitalizar a indústria ainda em 2020.

A pandemia trouxe inúmeras incertezas à sociedade, causando profundos impactos a todos os setores. Seguramente, não foi diferente no segmento industrial. Neste cenário, digitalizar a indústria é uma das principais tendências que o setor precisa avaliar o investimento ainda em 2020.

Essa digitalização na indústria, que já ocorreu na Alemanha com muito sucesso, tem relação com as expectativas para o mercado pós-pandemia. O que irá mudar? Quais os desafios e oportunidades?

Diante disso, já é possível constatar que a transformação digital das indústrias deve ocorrer o quanto antes, ainda em 2020, principalmente quando consideramos 3 afirmações sobre a digitalização bastante significativas para o setor.

Acompanhe e saiba mais sobre essas afirmações e a importância delas para o setor industrial.

1. Digitalizar a indústria é o primeiro passo para a indústria 4.0

A transformação digital é um avanço que impacta todos os segmentos da sociedade. Estamos envoltos pelo espectro da tecnologia em tudo o que fazemos, e isso é assimilado no cotidiano.

Para José Julio Oliveira, consultor especialista em indústria 4.0, no setor industrial, esse cenário não é diferente, apesar de muitos players ainda produzirem baseados em números do passado e sem segurança sobre o presente e o futuro.

Frente a este cenário e de acordo com toda a transformação decorrente da pandemia, é imperativo que a indústria abrace de forma enérgica o processo de digitalização, encarando de frente as exigências desta nova realidade.

Como pontapé, é primordial que a indústria inicie a digitalização e análise dos dados de seu processo produtivo o quanto antes. “Este primeiro passo é essencial para pavimentar a sua jornada em direção a indústria 4.0”, diz Oliveira.

Porém, a Indústria 4.0 e seus termos tecnológicos possibilitam maior integração e a adoção de tecnologias físicas e digitais. Por isso, é necessária uma reestruturação de toda a companhia, para que seu modelo de negócio prospere por meio de análises estratégicas.

Como não estamos falando apenas da implementação de novos mecanismos de produção, digitalizar a indústria exige, também, a implementação de uma nova cultura. “Essa será a diferença entre o crescimento com lucratividade contra apenas uma forma de sobrevivência em um mercado altamente exigente e dinâmico”, pondera o especialista.

digitalizar a indústria

2. Digitalizar a indústria possibilita maior competitividade

Como vimos, a transformação digital na indústria precisa sempre ser encarada como uma mudança cultural, que vai digitalizar todos os seus setores. Com isso, é criada uma nova integração pela tecnologia, implementando uma nova filosofia de pensamento e cultura.

Para entendermos melhor o disruptivo impacto da digitalização, é necessária a análise de alguns dos pilares desta transformação digital:

  • O tão almejado foco no consumidor nunca esteve tão próximo de ser efetivamente aplicado no produto ou serviços.Isso porque seus desejos e preferências estão amplamente disponíveis e devem fundamentalmente direcionar o foco da indústria.
  • A indústria precisa diminuir o seu ciclo de desenvolvimento e entrega de novos produtos. “Ao digitalizar a indústria, ela será capaz de ter entregas mais ágeis e em sintonia com as avaliações constantes do seu consumidor, corrigindo o que for preciso com a máxima eficiência, resultando na fidelização e confiança do seu cliente”, explica Oliveira.
  • A digitalização alavanca a resiliência e flexibilidade na indústria. Com isso, desenvolver novos mercados passa a ser mais seguro e assertivo, reduzindo os investimentos e maximizando os retornos futuros.

Finalmente, a conquista de melhor competividade em novos mercados abre a possibilidade de internacionalização de produtos, ou seja, a indústria nacional irá enfrentar concorrentes de fora e de alto nível.

“Somente será possível enfrentar esta forte concorrência internacional ao digitalizar a indústria como primeiro passo. Isso permite alavancar e acelerar de forma segura a implementação dos demais pilares da indústria 4.0”, complementa Oliveira.

3. Quem não se digitalizar ficará para trás

A atual pandemia é uma das ocorrências mais sérias dos últimos 100 anos, afetando a saúde e a economia em escala mundial. Várias portas foram fechadas, mas toda crise gera oportunidades. Ou seja, outras tantas portas estão sendo abertas.

Para aproveitar as oportunidades, é importante saber como vamos reagir e retomar a indústria em continuidade à amenização da pandemia. O consultor indica algumas questões que toda indústria deve ter em pauta:

“Como vai estar o segmento consumidor do seu produto? Terá mudado? Será reduzido, terá aumentado, quais as oportunidades?”.

As respostas e projeções para estas perguntas somente serão satisfatórias se forem baseadas em análise de dados providos eficientemente pela digitalização na indústria.

Acreditando nisto, fica claro que é imperativo avançar rapidamente o processo para digitalizar a indústria, iniciando ainda em 2020. “Atuando desta forma, vamos adentrar 2021 já tendo iniciado a implementação da digitalização, ganhando tração no começo do ano e acelerando ao longo dos demais meses”, finaliza.

Essa digitalização será, seguramente, o maior diferencial competitivo do produto ou serviço de cada segmento industrial.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar