Gestão, Inovação

Mudança de TI para TIC é cada vez mais necessária na nova indústria; entenda

A internet tornou-se um recurso fundamental na sociedade moderna. Portanto, não é surpresa que o seu uso estratégico tenha aumentado rapidamente, inclusive na indústria. Hoje, a Tecnologia da Informação & Comunicação (TIC) tem gerado inúmeros benefícios para os negócios, tornando-os muito mais competitivos em um mercado altamente mutável e exigente.

“As últimas tecnologias podem gerar novas atividades produtivas, além de aprimorar os sistemas de manufatura existentes. E a Tecnologia da Informação & Comunicação (TIC) oferece a possibilidade de se adquirir informações de negócios e se conectar com máquinas, fornecedores e clientes a uma velocidade sem precedentes na história da indústria”, afirma Carlos Renato Azevedo, Doutor em Engenharia de Computação.

TI versus TIC

A Tecnologia da Informação (TI) evoluiu muito nas últimas décadas. A natureza interligada dos dispositivos e sistemas, acompanhada da dependência da sociedade moderna em relação às tecnologias e aos serviços conectados, tem gerado não apenas desafios, como também oportunidades para o crescimento da indústria.

A tradicional TI tinha o objetivo de utilizar computadores para armazenar, estudar, recuperar, transmitir e manipular dados ou informações, muitas vezes no contexto de uma ou de outra empresa.

Por sua vez, a Tecnologia da Informação & Comunicação (TIC) é um termo estendido da TI, que enfatiza o papel das comunicações unificadas e a integração de telecomunicações (linhas telefônicas e sinais sem fio), computadores, softwares empresariais e sistemas de armazenamento. Além disso, sistemas inteligentes já podem acessar, armazenar, transmitir e manipular informações de forma autônoma.

Para as indústrias sem acesso à informação, a lacuna de conhecimento e de recursos pode crescer exponencialmente devido, sobretudo, à falta de investimentos, podendo resultar em baixa produtividade e competitividade, redução da qualidade e perda de tempo na linha produtiva.

O impacto da Tecnologia da Informação & Comunicação (TIC)

Hoje, o desenvolvimento tecnológico de ponta que envolve computadores, softwares, fibras óticas, redes e inteligência artificial exerce um impacto enorme nas tecnologias da informação.

Hardwares poderosos, sistemas avançados e comunicações rápidas e confiáveis representam as tecnologias básicas necessárias para um sistema de informações moderno.

“Os ingredientes de tal sistema serão a coexistência, a conectividade, o interfuncionamento e os padrões de voz, dados, texto e imagem, com total confiabilidade, disponibilidade, facilidade de manutenção e, acima de tudo, uso facilitado”, resume Azevedo.

Entre as diversas aplicações das tecnologias da informação, três são de particular importância: a telefonia tradicional, a telefonia celular, além do processamento e a comunicação de dados. Por isso, as tecnologias da informação afetam muitas indústrias e a sociedade como um todo. No entanto, ainda há muito a ser feito em termos de infraestrutura, antes que as necessidades sejam atendidas.

Isso ocorre porque todo desenvolvimento também gera novos desafios, como a necessidade da análise de dados, ao lidar com a crescente quantidade de informações que estarão disponíveis em bases de dados distribuídas. Dessa forma, serão necessárias, por exemplo, novas maneiras de descrever dados e classificar relacionamentos entre eles, além de encontrar e recuperar informações armazenadas em bancos de dados.

A importância do investimento na manufatura hiperconectada

Tradicionalmente, os sistemas de informação têm sido usados para reduzir os custos administrativos. Entretanto, nos últimos anos, esse papel vem mudando à medida em que as empresas passam a adotar novas estratégias a partir da utilização deles como componentes centrais.

Não à toa, a TIC tem se tornado um fator impulsionador para a inovação e a produtividade para as indústrias de manufatura, por permitir o processamento mais rápido de informações e da comunicação, a melhora da tomada de decisões e a redução das falhas no chão de fábrica.

No entanto, muitas das micro, pequenas e médias indústrias brasileiras ainda estão atrasadas, em termos de níveis de acesso e sofisticação, no que diz respeito ao uso dessas tecnologias, sobretudo quando comparadas a grandes empresas.

O ritmo de mudança nos sistemas de informação está aumentando em todas as áreas, principalmente na indústria. Dessa forma, as tendências significativas, como a expansão da orientação às necessidades dos clientes, a proliferação de estações de trabalho e a globalização do ambiente de negócios, apontam para a necessidade de mais investimentos em Tecnologia da Informação & Comunicação (TIC).

Qual a sua opinião sobre os desafios de implementar a Tecnologia da Informação & Comunicação (TIC) nas indústrias? Deixe sua mensagem no campo de comentários abaixo e até a próxima!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *