A Voz da Indústria faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Porque a indústria 4.0 depende da instrumentação industrial

instrumentação industrial indústria 4.0
Saiba o que é instrumentação industrial e porque ela é indispensável para a indústria 4.0.

Manter o maior controle possível sobre os processos de uma indústria é de extrema importância não apenas para operadores, mas para a corporação como um todo. Exatamente por isso, a instrumentação industrial tem se tornado cada dia mais presente no dia a dia de empresas, principalmente diante da tão conhecida e aplicada Indústria 4.0.

No ambiente 4.0, todos os instrumentos utilizados no processo industrial são bastante relevantes, seja para a medição de nível, temperatura, pressão, vazão ou qualquer outra grandeza.

Diante disso, fica claro que muitos são os benefícios da instrumentação industrial, principalmente dentro de um contexto cada vez mais voltado ao cenário 4.0. Esses benefícios permitem conquistas capazes de oferecer melhor controle de diversos processos da indústria.

O que é instrumentação industrial?

Por definição, a Instrumentação Industrial é a ciência que estuda, desenvolve e aplica instrumentos de transmissão, registro, controle e ajuste de variáveis, sempre com o propósito de aprimorar o desempenho dos mais variados processos.

Segundo o Coordenador dos Cursos de Engenharia Elétrica e Engenharia de Controle e Automação e Professor da UNIVATES, Juliano Schirmbeck, a instrumentação pode ser vista como os componentes que fazem a interação entre as máquinas e seus dispositivos de controle/monitoramento.

Seu princípio de funcionamento se baseia em transdutores, componentes eletrônicos ou algum material com a capacidade de converter algum tipo de parâmetro físico em um nível de tensão ou uma corrente elétrica, ou seja, algum sinal. Esse sinal então pode ser traduzido para a informação física monitorada como temperatura, pressão dentre outros”.

Vale ressaltar, ainda, que a importância da instrumentação cresce à medida que a demanda de controle de processos da indústria aumenta diante do avanço da Indústria 4.0. Por consequência, a manutenção do controle tem se tornado cada vez mais relevante e desafiador, sendo a instrumentação industrial capaz de auxiliar nesse sentido.

Indústria 4.0: dependência cada vez maior da instrumentação industrial

A indústria 4.0 está cada vez mais presente no dia a dia de processos industriais, englobando um amplo sistema de tecnologias avançadas, como inteligência artificial, robótica e computação em nuvem.

Neste cenário, a indústria 4.0 é baseada, dentre outras coisas, em dois grandes pilares:

  • Grande quantidade de informações (Big Data); e
  • Elevada capacidade de processamento e análise destas informações.

O setor industrial fala muito de internet das coisas, ou seja, tudo e qualquer equipamento estando continuamente conectado à internet e a instrumentação industrial é imprescindível nesse contexto.

O objetivo das ‘coisas’ conectadas a internet, está na facilidade de receber e enviar informações para compor o Big Data. Mas de onde vêm estes dados, quem é responsável por adquirir estes dados? No âmbito industrial, a instrumentação é a responsável pela aquisição das informações”, indica o professor.

Dessa forma, ao monitorar em tempo real o estado dos equipamentos que fazem parte dos processos de produção dentro da indústria, a instrumentação pode realizar testes e procedimentos de manutenção preventiva e/ou corretiva desses dispositivos.

Benefícios da instrumentação industrial no âmbito 4.0

Como vimos, a instrumentação industrial é primordial para a Indústria 4.0, e, dentre os seus principais benefícios, temos: 

  • Maior produtividade à indústria;
  • Indicação, de forma prévia, da necessidade de ajustes no processo de produção;
  • Controle do processo de forma remota;
  • Aumento significativo da qualidade do produto final.

Hoje em dia, os recursos de instrumentação, além da aquisição de informações de parâmetros físicos já difundidos na automação industrial, apresentam tecnologias extremamente avançadas de identificação de componentes e peças. “Essas tecnologias permitem a rastreabilidade dos componentes que integram um determinado produto, como resultado a indústria terá maior confiabilidade de seu processo de fabricação”, finaliza o professor.

 

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar