Gestão

Por que investir em compartilhamento de conhecimento na indústria?

O avanço proporcionado pela adesão da Manufatura Avançada (Indústria 4.0) está mudando não apenas o sistema operacional do setor industrial brasileiro, mas também alterando a visão dos negócios. Afinal, as fronteiras entre as empresas, que há décadas foram estabelecidas, estão desaparecendo por meio de times multiculturais que interagem e promovem o compartilhamento de conhecimento o tempo todo.

Confira mais detalhes a seguir:

Manufatura Avançada e compartilhamento de conhecimento

“Na Manufatura Avançada, é necessário pensar em ecossistema, ou seja, possibilitar que a informação permeie toda cadeia de valor, desde o cliente até a rede de parceiros e fornecedores. Esse efeito de ecossistema em si já traz a cultura de compartilhamento para a indústria. A empresa que aprender mais rápido a se integrar nesse ecossistema, certamente, conseguirá obter diferenciais competitivos no mercado”, explica Paulo Roberto dos Santos, sócio-diretor da ZorfaTec Consultoria em Inovação.

Cabe ressaltar, também, que o compartilhamento de conhecimento será constante no ambiente 4.0, tendo em vista que haverá cada vez mais uma construção conjunta de conhecimento, em função do trabalho como um todo acontecer de forma mais colaborativa. Isso também se deve ao fato de as demandas serem cada vez mais complexas e pela tecnologia aplicada, que é a grande facilitadora para que a informação seja disponibilizada muito rapidamente e, com isso, possa alcançar mais pessoas.

É importante destacar, inclusive, que, assim como já se vê a economia compartilhada nas áreas de hospedagem, transporte e tantos outros, na Manufatura Avançada é bastante comum que máquinas sejam compartilhadas – e este é um desafio das empresas que ainda não iniciaram seu processo de adaptação para esse mercado.

Portanto, a chamada quarta revolução industrial também é sinônimo de compartilhamento de informações e de trabalho colaborativo.

Benefícios do compartilhamento de conhecimento

As empresas que optam pelo compartilhamento de conhecimento podem perceber os primeiros benefícios no próprio time, tendo em vista que a comunicação passa a fluir de forma mais ágil e os trabalhos começam a ser desenvolvidos de forma mais colaborativa.

Além disso, o compartilhamento de conhecimento na cadeia de valor possibilita o desenvolvimento mais rápido de soluções inteligentes e eficazes, como aponta o sócio-diretor da ZorfaTec.

“Quando as informações são compartilhadas, os processos se tornam mais transparentes e, com isso, podem ser melhorados rapidamente, além de possibilitar decisões mais rápidas e assertivas para as indústrias.”

A sua empresa já entrou na área do compartilhamento de conhecimento? Conte para gente no campo de comentários abaixo e até a próxima. 

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *